Avançar para o conteúdo
Início » Blogvovocoruja – Artigos 24h Casa e Jardim cuidados para compra e instalação segura

Blogvovocoruja – Artigos 24h Casa e Jardim cuidados para compra e instalação segura


Uma das formas mais tradicionais e bonitas de enfeitar o ambiente no final do ano é usar o pisca-pisca de Natal, que traz luz e cor para a sua decoração. Mas você sabe quais são os cuidados que você deve ter na hora de comprar e instalar esses adornos luminosos? Por isso, entenda as dicas e recomendações para aproveitar esse momento com segurança e economia!

Como escolher o pisca-pisca de Natal?

Antes de sair comprando o primeiro pisca-pisca que você encontrar, é importante saber que existem diferentes tipos, modelos e qualidades desses produtos no mercado. Dessa forma, é preciso ficar atento a alguns aspectos na hora de escolher o seu pisca-pisca de Natal, como:

A voltagem 

Verifique se o pisca-pisca é compatível com a voltagem da sua rede elétrica, que pode ser 110V ou 220V. Se você usar um pisca-pisca de voltagem diferente da sua tomada, você pode danificar o produto ou causar um curto-circuito.

O selo do Inmetro

Procure por pisca-pisca que tenha o selo do Inmetro, que garante que o produto foi testado e aprovado quanto à sua segurança e qualidade. 

Evite comprar pisca-pisca de origem duvidosa ou sem certificação, pois eles podem apresentar defeitos ou riscos de choque elétrico ou incêndio.

O tipo de lâmpada 

Existem basicamente dois tipos de lâmpadas usadas nos pisca-piscas de Natal: as incandescentes e as de LED. As incandescentes são as mais comuns e baratas, mas também as que mais gastam e ficam quentes. As de LED são mais caras, mas também mais econômicas e duráveis, além de não esquentarem tanto. 

pisca-piscas com enfeites natalinos em jarros de vidro

Portanto, se você quer economizar energia e evitar problemas com superaquecimento, prefira os pisca-piscas de LED.

Participe do nosso canal no WHATSAPP com dicas RÁPIDAS e FÁCEIS para a sua casa. Acesse ~> clicando aqui.

O comprimento e a quantidade de lâmpadas

Dependendo de onde você vai colocar o seu pisca-pisca de Natal, você vai precisar de um comprimento e uma quantidade de lâmpadas adequados. 

Por exemplo, se você quer enfeitar uma árvore de Natal grande, você vai precisar de um pisca-pisca mais longo e com mais lâmpadas do que se você quiser decorar uma janela ou uma porta. 

Nesse sentido, meça o local onde você vai instalar o pisca-pisca e escolha um produto que tenha o tamanho e a quantidade de lâmpadas suficientes para cobrir toda a área desejada.

O modelo e a cor 

Além do aspecto técnico, você também deve levar em conta o seu gosto pessoal e o estilo da sua decoração na hora de escolher o modelo e a cor do seu pisca-pisca de Natal. 

mesa de jantar com uso de pisca-pisca na decoração

Existem diversos modelos de pisca-pisca, como os que têm formatos de estrelas, bolas, bonecos de neve, renas, etc. Também existem várias cores de lâmpadas, como as brancas, coloridas, amarelas, azuis, verdes, vermelhas, etc.

Você pode optar por um pisca-pisca de uma cor só ou por um que tenha várias cores misturadas. Sem dúvida, o importante é que o seu pisca-pisca combine com o restante da sua decoração e transmita o clima natalino que você quer.

Como instalar o pisca-pisca de Natal com segurança?

pessoas instalando pisca-pisca de Natal

Após escolher o seu pisca-pisca de Natal ideal, é hora de instalá-lo corretamente, porém, é preciso tomar alguns cuidados para evitar acidentes e garantir a sua segurança e a da sua família. 

Siga as dicas abaixo: 

Verifique o estado do pisca-pisca

Antes de ligar o seu pisca-pisca na tomada, faça uma inspeção visual no produto e verifique se ele não está com nenhum fio desencapado, quebrado ou solto. Se você notar algum defeito, não use o pisca-pisca e troque-o por um novo. 

Além disso, teste o funcionamento do pisca-pisca e veja se todas as lâmpadas estão acendendo normalmente. Se alguma lâmpada estiver queimada, substitua-a por uma nova do mesmo tipo e voltagem.

Use adaptadores e extensões adequados

Se você precisar usar algum adaptador ou extensão para ligar o seu pisca-pisca na tomada, certifique-se de que eles sejam de boa qualidade e compatíveis com a voltagem do seu pisca-pisca e da sua rede elétrica. 

Evite usar adaptadores do tipo “T”, que podem sobrecarregar a tomada e causar um curto-circuito. Prefira usar réguas ou filtros de linha, que têm mais saídas e protegem os aparelhos contra variações de tensão. Ademais, não ligue muitos pisca-piscas em uma mesma tomada, pois isso também pode provocar um superaquecimento e um incêndio.

Escolha o local adequado para o pisca-pisca

Na hora de instalar o seu pisca-pisca de Natal, escolha um local que seja seguro e que não ofereça riscos de choque elétrico ou incêndio. Evite colocar o pisca-pisca perto de fontes de calor, como velas, lareiras, fogões, etc. 

mesa de jantar com pisca-piscas

Também evite colocar o pisca-pisca em locais úmidos, como banheiros, cozinhas e áreas externas. Se você quiser usar o pisca-pisca fora de casa, verifique se ele é próprio para uso externo e se ele é resistente à água e ao sol. 

Ainda, não passe o pisca-pisca por baixo de tapetes, móveis ou portas, pois isso pode danificar o fio e causar um curto-circuito.

Fixe bem o pisca-pisca

Para evitar que o seu pisca-pisca caia ou se solte, fixe-o bem no local em que você vai instalá-lo. Use ganchos, pregos, fitas adesivas ou abraçadeiras para prender o pisca-pisca na parede, na janela, na porta, na árvore de Natal ou onde for. 

casa com pisca-piscas de Natal no telhado

Não use grampos, alfinetes ou objetos metálicos para fixar o pisca-pisca, já que eles podem furar o fio e causar um choque elétrico. Também não use objetos pontiagudos ou cortantes para cortar o fio do pisca-pisca, pois isso pode danificar o produto e provocar um curto-circuito. Use uma tesoura ou um alicate para cortar o fio do pisca-pisca, se necessário.

Desligue o pisca-pisca quando não estiver usando

Por fim, para economizar energia e evitar acidentes, desligue o seu pisca-pisca de Natal quando você não estiver usando ou quando for dormir. 

Não deixe o pisca-pisca ligado por muito tempo ou sem supervisão, pois isso pode causar um superaquecimento e um incêndio. 

Se possível, use um temporizador ou um sensor de presença para controlar o acionamento do pisca-pisca, garantindo que o seu pisca-pisca só vai acender quando você quiser e por quanto tempo você quiser.



FONTE: ARTIGOS24.COM.BR